sábado, 6 de agosto de 2016

Guarda-Redes e Pontas de Lança

Quem assistiu a pré-época do Sporting identificou que faltava ao Sporting, um goleador, outro guarda-redes e um extremo desequilibrador, para ter um plantel mais equilibrado. 

Como o plantel do Sporting tem poucos jogadores com titulos nacionais conquistados o ideal para elevar a qualidade do elenco do clube seria contrarar 3 reforços já com um bom histórico de conquistas desportivas.

O Sporting reforçou-se agora com o Beto, que em princípio vem para ser o suplente do Rui Patricio. Com esta contração de um Guarda-Redes de 34 anos, o Sporting passa a ter no plantel mais um jogador com um bom registo de conquistas, tem no currículo 1 Liga Portuguesa, 1 Liga Romena, 3 Ligas Europas, 2 Taça de Portugal e 2 Supertaça Portuguesa. Beto na época passada sofreu uma lesão grave e por causa disso só realizou 5 jogos, sendo que depois da lesão sofrida a 11/09/2015, só realizou mais 1 jogo e não viu o seu contrato renovado por parte do Sevilha, nesta altura ainda é uma incognita quais as reais capacidades fisicas do jogador, mas em termos de balneário, experiência competitiva e conhecimento do clube, dificilmente o Sporting poderia encontrar um elemento melhor para reforçar o seu quadro de Guarda-Redes.

Neste momento, o grande problema do Sporting será a necessidade imperiosa de contratar um bom Ponta de Lança, um avançado capaz de fazer mais de 15 golos durante a temporada, pois só o Slimani é muito curto para garantir uma época de sucesso. Neste momento o 2º melhor goleador do Sporting é o Bryan Ruiz, que conta no seu histórico com 146 golos marcados em 500 jogos (em média 0,29 golos por jogos).

Sporting ao deixar sair do seu plantel 2 avançados centros que já conquistaram campeonatos nacionais na Colombia, Argentina, Brasil ou Equador, esta a retirar do seu elenco, não só as qualidades tecnicas desses atletas, mas também a experiênçia competitiva de sucesso ao mais alto nível, ou seja em clubes que lutam para conquistar títulos. Por isso, Bruno de Carvalho deve ter presente que o Sporting necessita urgentemente de contratar um grande avançado, se realmente almeja obter esta época um melhor rendimento que o da época passada.

Teo Gutiérrez, conta no seu histórico com 164 golos marcados em 376 jogos (em média 0,44 golos por jogos),  já tem no currículo 1 Liga Argentina Clausura, 1 Liga Colombiana Clausura, 1 Copa Libertadores, 1 Copa Sudamericana, 1 Recopa Sudamericana, Taça Mexico Clausura, 1 Taça da Turquia, 1 Supertaça da Turquia, 1 Supertaça Portuguesa.

Hernán Barcos, conta no seu histórico com 186 golos marcados em 420 jogos (em média 0,44 golos por jogos), já tem no seu currículo 2 Ligas do Equador, 1 Liga Servia, 1 Copa do Brasil, 1 Recopa Sudamericana.

A dificuldade está em encontrar um avançado goleador, capaz de ter uma média superior a 0,44 golos por jogos, de preferência um avançado já com alguma experiência competitiva, ou seja, com mais de 100 jogos realizados como sénior e já com titulos conquistados, pois jogar para conquistar troféus é um tipo de pressão que não deve intimidar esse novo reforço.

Vamos ver que tipo de meios o Bruno de Carvalho entregará ao Jorge Jesus para tentar atacar esta temporada. Só ai podemos definir as reais possibilidades deste Sporting 2016/17 (2º ano de Jorge Jesus, no Benfica a 2ª época de Jorge Jesus foi de longe a sua pior época, em muito também pela ausência de reforços pelo facto de os dirigentes terem ficado bastante impressionados com o desempenho dos jogadores sob sua orientação na sua 1ª época, esquecendo-se que ele já extraiu o melhor que esses jogadores podem dar).


Sem comentários: