sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

JORGE SOUSA (ARBITRAGEM)

JORGE SOUSA - DADOS ESTATISTÍCOS DOS ÚLTIMOS 10 CAMPEONATOS
Arbitro A.F. Porto, ostenta as insígnias de arbitro Internacional (Profissional), foi o 1º classificado da época 2016/17. Na época 2015/16 Jorge Sousa não teve classificação, pois realizou poucos jogos.
Jorge Sousa foi eleito o melhor arbitro da época 2014/15 e foi o 5º classificado da época 2013/14.

Última atualização inclui o F. C. Porto 0 - Benfica 0, da 13ª jornada desta época 2017/18.


QUERES CONHECER SE O TEU CLUBE TEM UMA % DE APROVEITAMENTO MELHOR OU PIOR COM O ARBITRO NOMEADO PARA ESTA JORNADA DO QUE O RENDIMENTO MÉDIO DO CLUBE COM TODOS OS RESTANTES ARBITROS? Neste blog terás essas respostas, com a indicação de todos os penaltis e expulsões assinalados.

PONTO ESSENCIAL: O ARBITRO NUNCA DEVERIA SER UM ELEMENTO DETERMINANTE NO PROCESSO DE REPARTIÇAO DOS PONTOS EM DISPUTA NUMA PARTIDA DE FUTEBOL.  Comparando a % pontos conquistados com um determinado arbitro com a % média do clube com todos os restantes árbitros, conheceremos o posicionamento do arbitro perante esse clube. Diferenças maiores que 20% ou menos 20% em relação ao rendimento médio do clube indiciam que o arbitro beneficia(+) ou prejudica(-) o rendimento da equipa, ou seja este arbitro interfere tendencialmente no rendimento médio do clube e por isso não deve ser nomeado para arbitrar jogos desse clube.
Nos links que se seguem estão todos os jogos dos 4 grandes clubes com cada um dos seguintes árbitros nos últimos 10 campeonatos.
                                                                                      Link com os dados do Pedro Proença
                                                                                      Link com os dados do Artur Soares Dias
                                                                                      Link com os dados do Duarte Gomes
                                                                                      Link com os dados do João Capela
                                                                                      Link com os dados do Paulo Batista
                                                                                      Link com os dados do Hugo Miguel
                                                                                      Link com os dados do Olegário Benquerença
                                                                                      Link com os dados do Bruno Paixão
                                                                                      Link com os dados do Rui Costa
                                                                                      Link com os dados do Bruno Esteves
                                                                                      Link com os dados do Carlos Xistra

Analisando as % de aproveitamento dos clubes nos jogos arbitrados pelo Jorge Sousa conclui-se que com a arbitragem deste arbitro a classificação destes últimos 10 anos seria:
1º Sporting (conquista 75% dos pontos disputados com este arbitro).
2º F.C. Porto (conquista 74% dos pontos disputados com este arbitro). 
3º Braga (conquista 60% dos pontos disputados com este arbitro).
4º Benfica (conquista 58% dos pontos disputados com este arbitro). 

Com Jorge Sousa a arbitrar, o Benfica conquistou 40 pontos em 23 jogos, o F.C. Porto em apenas 19 jogos conquistou 42 pontos nos últimos 10 campeonatos e o Sporting em apenas 16 jogos conquistou 36 pontos. O Benfica é claramente dos 4 candidatos ao titulo, aquele que tem mais dificuldades em conquistar pontos nos jogos dirigidos pelo Jorge Sousa.
Da vantagem geral do F.C. Porto com as decisões arbitrais em relação ao Benfica nas últimas 10 épocas, só o Jorge Sousa é responsável pela vantagem de 3 penaltis do F. C. Porto em relação ao Benfica.

F.C. PORTO! 74% dos pontos em disputa conquistados nos jogos arbitrados pelo Jorge Sousa é ligeiramente inferior aos 79% de aproveitamento dos pontos em disputa com os restantes árbitros nos últimos 10 anos, o que é expectável tendo em conta que 6 dos 19 jogos arbitrados foram confrontos directos com os outros 3 candidatos ao titulo (Benfica, Sporting e Braga). O F.C Porto conseguiu acrescentar 1 ponto diretamente com um último golo de penalti ou após uma expulsão assinalado por este arbitro nos 19 jogos do F. C. Porto dirigidos. Oficialmente nesses 19 jogos, o Jorge Sousa assinalou 8 decisões arbitrais favoráveis ao F.C. Porto (4 penaltis e 4  expulsões) e apenas 2 decisões arbitrais desfavoráveis ao F.C. Porto (1 penalti e 1 expulsão do Otamendi aos 68min. no Sporting 1 - F.C. Porto 1 da 12ª jornada da época 2010/11.

BENFICA! Nos 23 jogos arbitrados pelo Jorge Sousa, o Benfica conquistou apenas 58% dos pontos em disputa, ou seja com esse arbitro conseguiu um rendimento pontual bastante inferior (-23%) à sua percentagem média de pontos conquistados com todos os restantes árbitros, nestes últimos 10 campeonatos, que é de 80%. Este arbitro interfere de uma forma evidente no rendimento desportivo do Benfica, não tem condições para dirigir jogos importantes do Benfica. Jorge Sousa nas ultimas 10 épocas assinalou 9 decisões arbitrais favoráveis ao Benfica (3 penaltis e 6 expulsões) e também assinalou 7 decisões arbitrais desfavoráveis ao Benfica (3 penaltis e 4 expulsões).
Por exemplo, ao ser nomeado para o Benfica-Porto, em vez de os adeptos assistirem um jogo entre as duas equipas com os rendimentos pontuais médios mais semelhantes na Liga, teremos um jogo entre duas equipas com mais de 16% de diferença no rendimento pontual nestas 10 épocas. Com este arbitro  é por demais evidente uma vantagem competitiva do F.C. Porto e uma desvantagem para o Benfica, mas com todos os outros árbitros em média os dois clubes conquistaram aproximadamente 80% dos pontos em disputa nos últimos 10 campeonatos. Inexplicavelmente, com Jorge Sousa o rendimento desportivo do Benfica tem sido muito inferior a todos os outros candidatos ao título, quer o F.C. Porto, quer o Sporting conquistaram mais de 15% dos pontos disputados do que o Benfica e em termos de penaltis assinalados por este arbitro, então a diferença é muito grande. 
  
BRAGA! Com o Jorge Sousa, o Braga teve um % de aproveitamento dos pontos em disputa de 60%, ligeiramente superior a sua % média geral de pontos com todos os outros árbitros nestes últimos 10 anos, que é de 57%. Nos 21 jogos dirigidos, Jorge Sousa assinalou 7 decisões arbitrais favoráveis ao Braga (3 penaltis e 4 expulsões), também tomou 4 decisões arbitrais desfavoráveis ao Braga (2 penaltis e 2 expulsões).

SPORTING! O Sporting teve 75% de aproveitamento dos pontos em disputa nos 16 jogos arbitrados pelo Jorge Sousa, é bastante superior (+9%) que a sua % média com todos os restantes árbitros nestes últimos 10 anos, que é de 66%. Obter +9% é obra, porque se o rendimento médio do clube nestas 10 épocas é de 66% dos pontos, sabendo nós que cada campeonato de 30 jogos só contempla 6 jogos contra os rivais pelo titulo (Benfica, F. C. Porto e Braga), como conseguiu Jorge Sousa que o Sporting em 15 jogos por si arbitrados obtenha um rendimento médio de 76%, isto sabendo que nesses 15 jogos estão incluidos 6 jogos contra os outros candidatos ao titulo, logo o lógico seria que o rendimento nesses 15 jogos fosse inferior ao rendimento médio geral do clube.  Nestes 15 jogos dirigidos pelo Jorge Sousa, o Sporting beneficiou de 8 decisões arbitrais favoráveis (5 penalti e 3 expulsões) e sofreu 7 decisões desfavoráveis (2 penaltis e 5 expulsões). Com este arbitro, o Sporting só não venceu os 2 jogos que disputou, contra o F.C. Porto e 2 contra o Benfica (este época e o jogo para o campeonato dirigido pelo Jorge Sousa da época 2014/15 em que o Sporting sofreu o golo do empate já nos descontos, golo que deixou o Jorge Sousa muito mal disposto conforme pode ver aqui.
                                                                                                 Resultado de imagem para liga nos







O jogo arbitrado por este arbitro em que ficou evidente a dificuldade desde arbitro em ser um elemento neutro nos jogos em que intervêm o Benfica ou o F.C. Porto, foi a final da Taça da Liga em 2009/10, Benfica 3 - F.C. Porto 0, resultado final apesar dos diversos erros arbitrais em benefício do F.C. Porto. Clique no link para ver o resumo com a inacreditáve sucessão de erros nesse jogo.



Aqui estão os dados estatísticos discriminados do F.C. Porto, nos jogos arbitrados pelo Jorge Sousa:



Aqui estão os dados estatísticos discriminados do Benfica, nos jogos arbitrados pelo Jorge Sousa:





Aqui estão os dados estatísticos discriminados do Braga nos jogos arbitrados pelo Jorge Sousa:



Aqui estão os dados estatísticos discriminados do Sporting nos jogos arbitrados pelo Jorge Sousa:




Em defesa do futebol é aconselhável que o Fontelas Gomes ou qualquer dos responsáveis pela arbitragem vejam os vídeos que se seguem no sentido de evitar que o mesmo tipo de atuações se repitam no futuro.
 http://www.youtube.com/watch?feature=player_detailpage&v=ZiYBV8O_DqE#t=0    (Link para analisar a arbitragem do Jorge Sousa na Final Taça da Liga de 2009/10)
http://www.youtube.com/watch?feature=player_detailpage&v=sd5v2WSaTIc (Link para analisar o um Porto-Benfica para o campeonato que Jorge Sousa arbitrou).


Seguindo um critério estabelecido aqui no Blog, quando um arbitro influência o rendimento de uma equipa em mais de 20% esse arbitro não reune condições para dirigir jogos importantes desse clube. 
Os números demonstram que Jorge Sousa não deve ser nomeado para jogos importantes do Benfica, uma vez que, que ele diminuiu drasticamente a capacidade de conquistar pontos do Benfica. Nos 21 jogos arbitrados por este arbitro, o Benfica conquistou menos 20% dos pontos do que é o rendimento médio do clube com todos os restantes árbitros! O rendimento médio de um clube nunca deveria variar tanto só pela intervenção de um arbitro em concreto.
Pelos critério seguidos neste blog, Jorge Sousa não tem condições para apitar jogos do Benfica
Em todo o atual quadro de arbitros somente existem 2 casos evidentes em que um clube baixa consideravelmente de rendimento quando encontra um determinado arbitro, que são o do Jorge Sousa no caso do Benfica e o do João Capela no caso do Sporting, sendo que o João Capela arbitrou apenas 8 jogos do Sporting. 

Este arbitro revela condições de imparcialidade para apitar os 4 clubes analisados?
Qual ou quais são os clubes em que os números revelam uma tendência?
Agradecemos o teu comentário/análise aos números estatísticos desde arbitro nos jogos em que dirigiu o teu clube, ou algum dos 3 rivais ao teu.

Esta temporada o Jorge Sousa já arbitrou os seguintes jogos, com as seguintes estatisticas no goalpoint.
Na 2ª jornada
 

Na 6ª jornada


Na 8ª jornada

Na 9ª jornada


Na 10ª jornada

Na 13ª jornada



4 comentários:

71460_5/8 disse...

E ainda dizem que é coincidência!

E foram só dos últimos 6 anos, que por o Benfica estar mais forte tem sido menos permissivo a estes artistas. Em anos anteriores ainda era pior!

vafm67 disse...

.
http://aguia-real.blogspot.pt/2013/12/blog-post_11.html
.

ultraslb disse...

Sem palavras....
Erradicado do Futebol era pouco...

Anónimo disse...

Se existem essas discrepâncias porque não analisaram os jogos do Benfica para averiguar se houve arbitragem que influenciasse o resultado? Análise simplista e tendenciosa no sentido de encaminhar a um determinado pensamento.