domingo, 11 de maio de 2014

MARKOVIC CONQUISTOU DENTRO DO CAMPO O DIREITO DE ESTAR NA GRANDE FINAL DE TURIM

O Markovic e o capitão Luisão foram os 2 únicos jogadores do Benfica que tiveram presentes nos 8 jogos desta caminhada para a final da Liga Europa em Turim. Os jogadores merecem obter o reconhecimento pelo seu empenho dentro do campo e os adeptos merecem usufruir do talento dos seus melhores jogadores numa final. O desporto deve ser justo para os desportistas. 

A TV demonstra claramente que o Markovic não teve nenhum comportamento antidesportivo. Não se pode castigar alguém quando as imagens a que todos tivemos acesso demonstram que está inocente.
Por favor, responsáveis pela justiça na UEFA analisem de facto os fundamentos para o cartão exibido ao Markovic e reconheçam o erro do arbitro a bem da justiça e dos adeptos de futebol.
Queremos assistir a mais momentos mágicos com estes, que só se tornam inesquecível nos grandes palcos.

A forma exemplar como Markovic reagiu a injustiça que o arbitro estava a cometer, só por si deveria ser um indicador suficiente para obrigar o organismo organizador da competição a valorizar o espirito desportivo evidenciado pelo atleta. Apesar da sua tenra idade, Markovic teve o sangue frio que a situação exigia, foi efetivamente exemplar para todos aqueles que sonham chegar a elite do futebol pelo seu desempenho dentro do campo.
E dentro de campo de futebol é mesmo o espaço certo para jogadores como Markovic.

  • Tal como Eusébio, o Markovic foi contratado para fortalecer uma poderosa equipa do Benfica que já havia sido finalista de uma competição europeia no ano anterior. 
  • Tal como Eusébio, o Markovic no seu 1º ano no Benfica, foi campeão com apenas 20 anos e pelo facto de estar no começo de uma carreira nessa altura nunca poderia ser já um jogador mundialmente reconhecido. Ambos necessitavam de ser postos à prova em grandes palcos.
  • Tal como o Eusébio, Markovic com o seu esforço ajudou o Benfica a atingir uma final europeia no seu ano de estreia. Nesse seu 1º ano no Benfica o Eusébio teve a sua 1ª oportunidade e brilhou numa final europeia. Se o tivessem castigado injustificadamente, o que o futebol teria perdido com essa péssima decisão administrativa? Será que também Markovic terá a sua oportunidade e brilhará na sua 1ª final? 
  • Tal como o Eusébio só precisou grandes palcos para conquistar o mundo do futebol, Markovic também só precisa de um palco para exprimir o seu futebol de modo a que todo o mundo possa reconhecer o seu talento. É uma questão de tempo e principalmente de oportunidade de estar presente nos momentos de gala. Por favor, dirigentes da UEFA não lhe retirem a crença de que poderá ser recompensado com a gloria em campo do seu esforço e dedicação pelo futebol.
  • Tal como Eusébio, com o Markovic estamos na presença de um desportista de elite, que respeita e merece o respeito dos todos os seus companheiros e adversários. A UEFA deve saber isso! Deve ter isso presente ao analisar o recurso. O histórico do comportamento desportivo do Lazar Markovic é de excelência.

UEFA sabe que os adeptos de futebol querem usufruir do prazer de assistir uma final com aqueles que conquistaram com inteiro mérito esse direito à gloria desportiva. A UEFA deve saber que este jogador seguramente trará mais adeptos ao jogo e acreditem após esse jogo mundialmente televisionado seremos muitos mais adeptos apaixonados pelo futebol deste predestinado.

Todos os adeptos do futebol sabem que é uma injustiça para o jogador, para o Benfica e para o futebol europeu em geral manter esse castigo injusto ao Lazar Markovic.

O atleta não merece castigo, o clube já privado do Enzo Perez e do Sálvio não merece ficar privado de 3 dos seus mais talentosos jogadores atuais e os adeptos não merecem ver uma final com uma das equipas significativamente diminuída pelas decisões do Sr. Mark Clattenburg.
Ninguém aceita ou compreende que um arbitro da 1/2 final possa matar a ilusão de todos os amantes de futebol que realmente sonhavam presenciar uma memorável final entre os melhores executantes das 2 equipas.

Todos os adeptos de futebol sabem a razão pelo qual o Eusébio ainda hoje continua no coração dos amantes do desporto rei, pois teve inesquecíveis desempenhos desportivos só ao alcance dos predestinados. Para que tal acontecesse seguramente a UEFA não lhe negou a oportunidade de brilhar nos grandes palcos internacionais que ele justamente fez por merecer em campo. Como Eusébio brilhou nessa sua 1ª final da Liga dos Campeões, no Benfica 5 - Real Madrid 3. É justamente essa oportunidade que a UEFA não deve negar ao Markovic, nem aos adeptos de futebol.

O Benfica e o Sevilha merecem disputar esta final em condições de poderem proporcionar uma boa propaganda para o futebol europeu. Forrrrrrrrrça Markovic, acredita tu mereces esta final!

 
E nós adeptos também merecemos usufruir destes momentos mágicos que estas imagens documentam. Markovic! ...Marcovic! ...Markovic!
 

Sem comentários: