domingo, 12 de novembro de 2017

Penaltis desfavoráveis aos candidatos ao título assinalados nas últimas 10 épocas

A generalidade dos adeptos tem a ideia que os árbitros revelam grande dificuldade em assinalar penaltis desfavoráveis ao F. C. Porto, Benfica, Sporting ou ao Braga.
Todos os adeptos se queixam que ficam por assinalar muitas grandes penalidades contra os grandes, pois grande parte dos árbitros tem medo de punir as infrações cometidas na área de um candidato ao título. Em resumo, nas últimas 10 temporadas foram assinalados os seguintes penaltis desfavoráveis:
  • 41 penaltis desfavoráveis ao Braga
  • 35 penaltis desfavoráveis ao Sporting
  • 27 penaltis desfavoráveis ao Benfica
  • 23 penaltis desfavoráveis ao F. C. Porto


Em média nos 293 jogos que cada clube disputou nas últimas 10 épocas, foram assinalados 31 penaltis desfavoráveis ao candidato ao título, como podemos ver em média as equipas candidatas ao título sofrem 1 penalti por cada 9 jogos realizados, dai que o normal será encontrarmos aproximadamente 2 penaltis desfavoráveis assinalados sempre que um arbitro tenha arbitrado mais de 18 jogos desse clube nas últimas 10 temporadas. Para terem sido nomeados para mais de 18 jogos é porque estamos a falar dos que são considerados pelo conselho de arbitragem como os melhores e por via disso são normalmente estes, os árbitros que dirigem os jogos mais difíceis dos grandes. Como qualquer arbitro que dirija um número de jogos equivalente a metade de um campeonato pode influenciar muito o rendimento médio de uma equipa e como 15 jogos representa metade de um campeonato na esmagadora maioria das últimas 10 épocas, é esse o limite mínimo que utilizaremos.


Como só uma amostra suficientemente grande dos dados estatísticos nos permitem chegar a resultados mais fidedignos, somente vamos utilizar dados de árbitros em que a amostra seja igual ou superior a 15 jogos arbitrados, os resultados obtidos não seriam tão fiáveis com arbitros que somente tenham apitado 5 ou 6 jogos. Os 7 árbitros que nestas últimas 10 temporadas apitaram um número considerável de jogos dos grandes no campeonato são, o Artur Soares Dias, o Jorge Sousa, o Carlos Xistra, o Hugo Miguel, o Rui Costa, o Pedro Proença e o Bruno Paixão. Estes foram os 7 arbitros que mais intervieram nos jogos que envolviam os 4 grandes nas últimas 10 épocas, em conjunto apitaram 113 jogos do F. C. Porto, 119 jogos do Benfica, 131 jogos do Braga e 130 jogos do Sporting.


Estatisticamente estes foram os penaltis assinalados contra os grandes nos últimos 10 campeonatos, discriminados pelo resultado que se verificava na altura em que se foram assinalados.

Como é evidente os penaltis com potencial para diretamente retirar pontos as equipas são os que foram assinalados contra a equipa quando se esta a vencer por apenas 1 golo ou o jogo se encontra empatado. São os casos de 15 penaltis sofridos pelo F. C. Porto, 18 sofridos pelo Benfica, 26 sofridos pelo Braga e 23 sofridos pelo Sporting.



Esta é a listagem ordenada por ordem decrescente dos arbitros que assinalaram mais penaltis desfavoráveis aos candidatos ao título, a negrito todos os clubes que sofreram 3 ou mais penaltis assinalados desse arbitro em concreto.
Nota: Nas últimas 10 épocas não existe nenhum arbitro que tenha assinalado mais de 2 penaltis desfavoráveis ao F. C. Porto. É incrível, não encontrarmos nenhum arbitro que tenha assinalado um numero considerável de penaltis desfavoráveis ao F. C. Porto! 

  • Realce para o facto de 40% dos penaltis desfavoráveis aos candidatos assinalados pelo Artur Soares Dias, terem sido para penalizar o Braga! 
  • Realce para o facto de 54,5% dos penaltis desfavoráveis aos candidatos, assinalados pelo Carlos Xistra, terem sido para penalizar o Braga! 
  • Realce para o facto de 35,7% dos penaltis desfavoráveis aos candidatos assinalados pelo Hugo Miguel, terem sido para penalizar o Braga! 
  • Realce para o facto de 42,9% dos penaltis desfavoráveis aos candidatos assinalados pelo Jorge Sousa, terem sido para penalizar o Benfica! 
  • Realce para o facto de 50% dos penaltis desfavoráveis aos candidatos assinalados pelo Bruno Paixão, terem sido para penalizar o Sporting! 
  • Realce para o facto de 60% dos penaltis desfavoráveis aos candidatos assinalados pelo Pedro Proença, terem sido para penalizar o Benfica! 
  • Realce para o facto de 80% dos penaltis desfavoráveis aos candidatos assinalados pelo João Capela, terem sido para penalizar o Braga!

É particularmente relevante os apenas 2 penaltis desfavoráveis assinalados contra o F. C. Porto, quando existem arbitros que assinalaram 8 penaltis contra o Braga, 5 contra o Benfica e 5 contra o Sporting. No quadro acima vemos quais são os árbitros que já foram capazes de assinalar 4 ou mais grandes penalidades a penalizar os candidatos ao título e olhando com atenção para os dados estatísticos, podemos confirmar se a percepção que tinhámos sobre a tendênçia clubistica do arbitro se reflete nas grandes penalidades que ele efetivamente assinala. É verdade, há árbitros que protegem determinados clubes, não assinalado penaltis desfavoráveis aos mesmos.

Mas quem são esses árbitros que tenham arbitrado mais jogos envolvendo os grandes e que não tenham sido capazes de assinalar 2 penaltis desfavoráveis a essse clube grande?
  1. Rui Costa já apitou 18 jogos do Sporting e nunca assinalou nenhum penalti desfavorável ao Sporting! Rui Costa foi agora o VAR do último Sporting 2 - Braga 2, jogo muito polémico pela sua ausência de intervenção do VAR em lances mal ajuizados pelo arbitro Carlos Xistra.
  2. Pedro Proença apitou 16 jogos do F. C. Porto e nunca assinalou nenhum penalti desfavorável ao F. C. Porto! E o incrível é que 11 dos 16 jogos foram confrontos diretos com os outros 3 candidatos ao titulo e mesmo assim o F. C. Porto não tenha sido penalizado com nenhum penalti e teve mesmo 6 penaltis assinalados a seu favor.
  3. Carlos Xistra apitou 24 jogos do F. C. Porto e só assinalou 1 penalti desfavorável ao F. C. Porto! Esse único exemplar aconteceu ao seu 21º jogo arbitrado, será que só foi nomeado para tantos jogos do F. C. Porto porque historicamente não assinala penaltis contra o clube?
  4. Jorge Sousa apitou 21 jogos do Braga e só assinalou 1 penalti desfavorável ao Braga! 
  5. Hugo Miguel apitou 20 jogos do F. C. Porto e só assinalou 1 penalti desfavorável ao F. C. Porto! Esse único exemplar aconteceu ao seu 17º jogo arbitrado, será que só foi nomeado para tantos jogos do F. C. Porto porque historicamente não assinala penaltis contra o clube?
  6. Jorge Sousa apitou 18 jogos do F. C. Porto e só assinalou 1 penalti desfavorável ao F. C. Porto! Esse único exemplar aconteceu ao seu 16º jogo arbitrado, será que só foi nomeado para tantos jogos do F. C. Porto porque historicamente não assinala penaltis contra o clube?
Estes são os únicos casos de árbitros com mais de 15 jogos arbitrados de um dos grandes clubes, em que constata que os penaltis assinalados contra essas equipas é manifestamente inferior ao que seria expectável ocorrerem, tendo em conta que em média cada clube grande sofre um penalti desfavorável por cada 9 jogos realizados.

Sem comentários: