quinta-feira, 19 de maio de 2022

Basta!

Todos ficamos mais uma vez surpreendidos, ao vermos o Rui Costa castigado por reconhecer aquilo que todo o mundo tem obrigação de ter visto e dizer que, já Basta. Os Benfiquistas tem de dizer Basta!

Basta! Basta! Basta! Basta desta dualidade de critérios! Basta de viciação arbitral na Liga Portuguesa! Tenham vergonha e demitam-se! Fontelas Gomes! Pedro Proença! Fernando Gomes! Demitam-se! Se mesmo com os extraórdinários dados estatísticos acumulados das últimas épocas, não conseguem ver que algo está mal na Liga da VARgonha, só lhes resta a demissão. Já não se consegue que um adepto consiga acreditar que, os responsáveis pela Liga nacional procuram defender a verdade desportiva e a equidade na Liga Portuguesa como devia ser a sua obrigação. 


Basta comparar os dados estatísticos de penaltis das últimas 4 épocas, para se constatar que, o Benfica nas condições atuais em que é disputado a Liga Portuguesa, não tem as mínimas hipóteses de poder disputar o titulo com os seus 2 rivais. Nas últimas 4 épocas (136 jogos), o F. C. Porto usufruiu de um saldo favorável de 35 penaltis (47 favoráveis e 12 desfavoráveis), o Sporting usufruiu de um saldo favorável de 32 penaltis (44 favoráveis e 12 desfavoráveis), já o Benfica usufruiu de um saldo favorável de apenas 10 penaltis (25 favoráveis e 15 desfavoráveis). Como o Benfica com apenas 10 penaltis, pode competir com o F. C. Porto com 35 penaltis ou o Sporting com 32 penaltis? Como pode haver tamanha diferença de penaltis entre estas equipas, se em 136 jogos os 2 rivais do Benfica, mesmo com muito mais penaltis não conseguem marcar mais golos que os 321 marcados pelo Benfica. Que o Benfica foi colocado fora da luta pelo titulo ao ser privado de penaltis é a verdade.




Só diretamente com os penaltis que são assinaladas a favor de cada uma das equipas, vemos que nas últimas 4 épocas (136 jogos), os árbitros concederam ao F. C. Porto a oportunidade de acrescentar mais 52 pontos, concederam ao Sporting a oportunidade de acrescentar mais 48 pontos e concederam ao Benfica a oportunidade de acrescentar mais 24 pontos. É incompreensível, como pode haver somente 15 penaltis assinalados a favor do Benfica em que os pontos estão diretamente em jogo e serem assinalados 30 penaltis desses favoráveis ao F. C. Porto. Como entre equipas rivais, com os mesmos objetivos desportivos e praticamente com o mesmo saldo de golos nesses 136 jogos (FCP com um saldo positivo de 215 golos, o Benfica com um saldo positivo de 207 golos), uma delas pode usufruir do dobro de penaltis que podem influenciar diretamente os pontos conquistados.

Em condiçoes arbitrais normais, é estatisticamente inexplicável, como o Benfica sendo o melhor ataque das últimas 4 épocas, com 321 golos marcados teve apenas 25 penaltis assinalados a seu favor, quando o F. C. Porto usufruiu de 47 penaltis assinalados a seu favor para marcar 308 golos, o Sporting usufruiu de 44 penaltis para marcar 259 golos. O Benfica foi claramente o candidato com menos penaltis nas últimas 4 épocas em que o FCP venceu 2 campeonatos, o Benfica 1 e o Sporting 1, mas também já tinha sido aquele que usufruiu de menos penaltis nos 4 anos do Tetra (entre 2013/14 e 2016/17), se bem que neste período as diferenças entre as 3 equipas eram bem menores, pois no período do Tetra, o Benfica usufruiu de um saldo favorável de 20 penaltis, o F. C. Porto usufruiu de um saldo favorável de 25 penaltis e o Sporting usufruiu de um saldo favorável de 26 penaltis. Com penaltis mais ou menos equiparáveis foi possível ao Benfica conquistar um tetra campeonato. Nestas 4 épocas do Tetra, o Benfica marcou 304 golos (beneficiando de 29 penaltis), o FCP marcou 269 golos (beneficiando de 35 pontos) e o Sporting marcou 268 golos (beneficiando de 42 penaltis). Se o Benfica nem no período do Tetra, em que marcou mais 35 golos que todos os seus rivais, não conseguiu ser a equipa a usufruiu de mais penaltis em Portugal (em 136 jogos), como os responsáveis da Liga não enxergam que não existe equidade arbitral na Liga da VARgonha? 

Todos sabem qual é a equipa com menos penaltis assinalados a seu favor em Portugal, todos sabem qual é a equipa que teve mais golos anulados pelo VAR em Portugal nestá época, na época anterior, cenário que se vai repetindo época após época e fingem que não detectam nenhuma anomália arbitral que origine estes dados estatísticos tão vincados! A norma não pode ser, roubar os Benfiquistas! Basta!

domingo, 15 de maio de 2022

É oficial, o Benfica terminou a temporada 2021/22 (É a equipa portuguesa com menos penaltis nas últimas 2 épocas)

Inacreditável! Nas últimas 2 épocas, aos olhos dos responsáveis pela arbitragem, o Benfica equipara-se apenas ao Belenenses, o último classificado da Liga 2021/22, que usufruiu dos mesmos 7 penaltis que o Benfica usufruiu. Todas as restantes equipas usufruíram de mais penaltis que o Benfica, nestas últimas épocas (68 jogos). O FCP usufruiu de mais 18 penaltis do que o Benfica (25-7), o Sporting usufruiu de mais 14 penaltis do que o Benfica (21-7), o Guimarães usufruiu de mais 9 penaltis que o Benfica (16-7), o Gil Vicente usufruiu de mais 7 penaltis do que o Benfica (14-7), ou seja, do dobro dos penaltis do Benfica, o despromovido Tondela usufruiu de mais 6 penaltis do que o Benfica (13-7), o Braga usufruiu de mais 5 penaltis do que o Benfica, Santa Clara usufruiu de mais 6 penaltis do que o Benfica, etc. 

É inexplicável, como um candidato pode ser o que teve menos penaltis. Como em condições arbitrais normais, uma equipa que marcou 147 golos, pode terminar na cauda do ranking de penaltis da Liga? É a Liga da VARgonha no seu esplendor. Esta equipa que não tem penaltis assinalados a seu favor, é simultaneamente a que tem mais golos anulados pelo VAR, só o Darwin nos jogos contra os rivais diretos, teve um golo anulado na Luz alegadamente por 2 cm, outro anulado alegadamente por 4 cm em Alvalade e outro anulado alegadamente por 7 cm no Dragão.


Os registos estatísticos curiosos não param de acontecer na Liga Portuguesa.

Se perguntarmos a qualquer adepto de futebol em Portugal, seguramente saberá responder prontamente.

1 - Qual foi a equipa em Portugal que teve mais golos anulados pelo VAR nesta temporada?

2 - Qual foi a equipa em Portugal que teve mais golos anulados pelo VAR na temporada anterior?

3 - Qual foi a equipa Portuguesa que teve menos penaltis assinalados a seu favor em 2020/21?

4 - Qual foi a equipa Portuguesa que teve menos penaltis assinalados a seu favor nas últimas 2 épocas?

As respostas a estas 4 perguntas são bem simples e infelizmente é sempre a mesma, Benfica, ...Benfica!


Segue-se o quadro resumo das equipas com mais penaltis na Liga da VARgonha nas últimas 2 épocas.





Em 2 épocas, só foram assinalados penaltis a favor do Benfica, quando o clube já não tinha condições para lutar pelo titulo de campeão. Em toda a primeira volta de 2020/21 e 2021/22, o único penalti assinalado a favor do Benfica foi na 12ª jornada, quando já estava a vencer o Belenenses por 5-0, ou seja, quando já era completamente irrelevante para o rendimento desportivo. Com esse penalti apenas se garantiu, que o Benfica usufruiria do mesmo nº de penaltis do último classificado da Liga (Belenenses). Enquanto o titulo esteve em aberto, os Benfiquistas foram completamente privados de poder usufruir de penaltis. Nestes últimos 2 campeonatos, mais de metade dos jogos do Benfica foram dirigidos por apenas 5 árbitros (o Artur Soares Dias, o Hugo Miguel, o Rui Costa, o Nuno Almeida e o Luis Godinho, cada um deles apitou 7 jogos do Benfica, mesmo assim, o Artur Soares Dias, o Hugo Miguel, o Rui Costa não conseguiram ver/assinalar nenhum penalti a favor do Benfica nos 21 jogos que dirigiram no total). Ao F. C. Porto, Manuel Mota concedeu 5 penaltis, João Pinheiro concedeu 4 penaltis, Rui Costa concedeu 3 penaltis, Artur Soares Dias concedeu 2 penaltis, Nuno Almeida concedeu 2 penaltis, Tiago Martins concedeu 2 penaltis e Hugo Miguel concedeu 2 penaltis, estes são os mais recorrentes.
Aqui está o quadro resumo com os jogos em que foram assinalados os 7 penaltis a favor do Benfica.
Nos 7 jogos em que usufruiu de penaltis, o Benfica conquistou 18 pontos, ou seja, 86% dos pontos possíveis, enquanto o FCP, conquistou 51 pontos nos 21 jogos em que usufruiu de penaltis, ou seja, 81% dos pontos possíveis, todas as equipas do mundo obtém bons rendimentos desportivos quando usufruem de muitos penaltis, as que não tem penaltis é que acabam nas últimas posições (Belenenses)! 

Inacreditável, como a Liga da VARgonha consegue que o Benfica seja o último no ranking de penaltis num acumulado de 68 jogos, mesmo sendo neste período, a equipa em Portugal que marcou mais golos só por si sem penaltis, pois:

  1. Benfica nas últimas 2 épocas, conseguiu marcar 140 golos só por si sem penaltis, o que com mais 7 penaltis, atingiu o total de 147 golos que marcou oficialmente em 68 jogos.
  2. F. C. Porto nas últimas 2 épocas, conseguiu marcar 135 golos só por si sem penaltis, o que com mais 25 penaltis, atingiu o total de 160 golos que marcou oficialmente nas últimas 2 épocas.
  3. Sporting nas últimas 2 épocas, conseguiu marcar 117 golos só por si sem penaltis, o que com mais  21 penaltis,  atingiu o total de 138 golos que marcou oficialmente nas últimas 2 épocas.
Como não há nenhum registo histórico de uma equipa que conseguiu conquistar masis pontos que o rival com mais 18 penaltis, obviamente o Benfica conquistou menos pontos do que o FCP. Nestas últimas 2 épocas, somente diretamente com os penaltis, o Benfica pode acrescentar 5 pontos, menos 24 que os rivais (o FCP usufruiu de condições arbitrais para acrescentar 29 pontos e o Sporting usufruiu de condições arbitrais para acrescentar 29 pontos).

MANUEL MOTA (ARBITRAGEM)

MANUEL MOTA - DADOS ESTATISTÍCOS DOS ÚLTIMOS 14 CAMPEONATOS
Manuel Mota foi o 7º classificado de época passada (2019/20).
Manuel Mota foi o 8º classificado de época passada (2018/19).
Não foram anunciadas publicamente as classificações dos árbitros da época 2017/18.
Arbitro da A.F. Braga, foi o 16º classificado da época 2016/17 e tinha sido o 8º classificado da época 2015/16.

QUERES CONHECER SE O TEU CLUBE TEM UMA % DE APROVEITAMENTO MELHOR OU PIOR COM O ARBITRO NOMEADO PARA ESTA JORNADA DO QUE O RENDIMENTO MÉDIO DO CLUBE COM TODOS OS RESTANTES ÁRBITROS? Neste blog terás essas respostas, com a indicação de todos os penaltis e expulsões assinalados.

Última atualização dos dados deste arbitro já contemplam o Famalicão 3 - Braga 2, da 34ª jornada da época 2021/22.




No Farense 0 - F. C. Porto 1, da 15ª jornada da época 2019/20, em que o arbitro deixa passar mão na área e o VAR estranhamente também! É a Liga Portuguesa no seu melhor e isto acontece na era do VAR, já não há como justificar estes erros.

 

PONTO ESSENCIAL: O ARBITRO NUNCA DEVERIA SER UM ELEMENTO DETERMINANTE NO PROCESSO DE REPARTIÇÃO DOS PONTOS EM DISPUTA NUMA PARTIDA DE FUTEBOL.  Comparando a % pontos conquistados com um determinado arbitro com a % média do clube com todos os restantes árbitros, conheceremos o posicionamento do arbitro perante esse clube. Diferenças >20% ou <(-20%) em relação ao rendimento médio do clube indiciam que o arbitro beneficia(+) ou prejudica(-) o rendimento da equipa, ou seja este arbitro interfere tendencialmente no rendimento médio do clube e por isso não deve ser nomeado para arbitrar jogos desse clube.

Nos links que se seguem estão todos os jogos dos 4 grandes clubes com cada um dos seguintes árbitros nos últimos 14 campeonatos.   
                    
                                                                             Link com os dados do Pedro Proença
                                                                             Link com os dados do Jorge Sousa
                                                                             Link com os dados do Artur Soares Dias
                                                                             Link com os dados do Duarte Gomes
                                                                             Link com os dados do João Capela
                                                                             Link com os dados do Paulo Batista
                                                                             Link com os dados do Hugo Miguel
                                                                             Link com os dados do Olegário Benquerença
                                                                             Link com os dados do Rui Costa
                                                                             Link com os dados do Bruno Esteves
                                                                             Link com os dados do Carlos Xistra
                                                                             Link com os dados do Cosme Machado
                                                                             Link com os dados do Marco Ferreira
                                                                             Link com os dados do Vasco Santos


Analisando as % de aproveitamento dos clubes nos jogos arbitrados pelo Manuel Mota conclui-se que, com a arbitragem deste arbitro a classificação destes últimos 14 anos seria:
1º Benfica (conquista 92% dos pontos disputados com este arbitro) 
2º F.C. Porto (conquista 90% dos pontos disputados com este arbitro)
3º  Sporting (conquista 86% dos pontos disputados com este arbitro) 
4º Braga (conquista 58% dos pontos disputados com este arbitro) 























 os dados discriminados dos clubes são os seguintes:





































Este arbitro revela condições de imparcialidade para apitar os 4 clubes analisados?
Qual ou quais são os clubes em que os números revelam uma tendência?
Agradecemos o teu comentário/análise aos números estatísticos desde arbitro nos jogos em que dirigiu o teu clube, ou algum dos 3 rivais ao teu.

Esta temporada 2021/22, o Manuel Mota já arbitrou os seguintes jogos:
  • Benfica 2 - Arouca 0, da 2ª jornada
  • F. C. Porto 2 - P. Ferreira 1, da 8ª jornada
  • Belenenses 0 - Benfica 7, da 12ª jornada
  • Belenenses 1 - F. C. Porto 4, da 18ª jornada
  • Boavista 0 - Sporting 3, da 31ª jornada, , em que assinalou 1 penalti favorável ao Sporting.
  • F. C. Porto 4 - Vizela 2, da 32ª jornada da época 2021/22, assinalou 1 penalti favorável ao FCP.
  • Famalicão 3 - Braga 2, da 34ª jornada