segunda-feira, 9 de setembro de 2013

Golo irregular que retira o campeonato 2012-13 ao Benfica

Golo irregular do Estoril no campeonato 2012-13 que obriga o Benfica a perder 2 pontos na reta final do campeonato. (Dados recolhidos no Benficabook) http://www.benficabook.net/2013/05/4-erros-de-arbitragem-em-2-minutos-dao.html


São quatro erros em apenas 2 minutos de jogo.
1º, Garay é empurrado;
2º, lançamento lateral para o Estoril quando deveria ser para o Benfica;
3º, livre contra o Benfica a castigar falta inexistente de Melgarejo;
4º, golo com posição irregular e com o avançado do Estoril a fazer-se à bola, tentando cabecear a mesma, tapando o ângulo de visão do Artur, um claro lance irregular mesmo no enfiamento do fiscal de linha, erro a fazer lembrar a época passada em mais um título influenciado pela arbitragem.
Tudo isto numa sequencia de erros até ao golo do Estoril.
 


Em relação a estes erros na avaliação dos fora de jogo neste Blog não temos dados objetivos para contabilizarmos o numero total de decisões semelhantes tomadas pelos árbitros nos últimos 5 anos, mas em relação aos penaltis e expulsões assinalados pelos árbitros, esses dados estão agrupados na etiqueta Resumo de arbitragens por clube (5 épocas). Clicar no link que se segue para consultar os dados:
arbitragens - dados acumulados das últimas 5 épocas
arbitragens - % aproveitamento dos pontos que cada clube têm com cada arbitro


Para o Record está seria a classificação da Liga da verdade desportiva da época 2012-2013.



TODOS SABEMOS QUE O F.C. PORTO FOI EM 2012/13 A EQUIPA MENOS PENALIZADA COM UM PENALTI CONTRA, TENDO APÉNAS 1 ASSINALADO num jogo em que vencia por 3-0, temos que “Viajar” às grandes penalidades perdoadas ao FC Porto e ao modo como algumas são branqueadas nos “media” para conhecer as reais condições competitivas em vigor na  LIGA ZON SAGRES.

 
1.ª jornada; 19 de Agosto de 2012; Gil Vicente FC; Duarte Gomes; 21 minutos, com 0-0. A análise Record pelo sportinguista António Magalhães mostra como se branqueia. Ser  imparcial e isento é algo que não consegue ser, por muito que "tente parecer". Olha, lá! O argentino esticou o braço, como se vê, Pá!


10.ª jornada; 25 de Novembro de 2012; SC Braga; Carlos Xistra; aos 20 minutos, com 0-0. Para que fique claro a linha que se vê na imagem é da pequena área.





 11.ª jornada; 8 de Dezembro de 2012; Moreirense FC; Vasco Santos; 59 minutos, com 0-0.




 

 17.ª jornada; 2 de Fevereiro de 2013; Vitória SC Guimarães; Marco Ferreira; 10 minutos, com 0-0.






17.ª jornada; 2 de Fevereiro de 2013; Vitória SC Guimarães; Marco Ferreira; 78 minutos, com 0-4. A análise Record pelo sportinguista (outro!) António Varela não contemplou mais uma grande penalidade certamente para não escrever que na primeira havia "amarelo" e na segunda "amarelo", ou seja, vermelho para Mangala. Pois é! Mas este, também sapóide e antónio, como o Magalhães de vesgo não tem nada! Antes pelo contrário. Vê de mais! (à falta dela no "Record" a digitalização é retirada do jornal "A Bola")







20.ª jornada; 23 de Fevereiro de 2013; Rio Ave FC; Artur Soares Dias; 58 minutos, com 1-1.






27.ª jornada; 27 de Abril de 2013; Vitória FC Setúbal; Carlos Xistra; 61 minutos, com 0-0.
 



 
27.ª jornada; 27 de Abril de 2013; Vitória FC Setúbal; Carlos Xistra; 73 minutos, com 0-1. Ao longo do corpo mas esticadinhos para  aumentar a área de contacto com a bola. É grande penalidade Varela. Percebes! Percebes bem. Não queres é que na Liga da "Verdade" Record "tire" pontos ao FCP, por que pelas contas de merceeiro dessa "Liga Record" as grandes penalidades dão direito a golos. Assim o resultado seria 2-2 e não 2-1. Já conhecemos as tuas "manhas"!



E para terminar a época em beleza na 30ª jornada, jogo em que matematicamente o F.C. Porto assegurou o titulo, Hugo Miguel transforma este lance no penalti do 1-0 e assegura a vantagem numérica do F,C, Porto na partida a partir dos 20 minutos.

Estas são algumas das imagens que provam que a realidade não está refletida mesmo nos números da Liga da "Verdade" Record. O beneficio do F.C. Porto com as arbitragens é ainda maior do que aquilo que ai está espelhado.

6 comentários:

cfriacas disse...

Pois, Jesus afinal foi campeão no ano passado... só que tudo foi "desviado" pelos bandalhos do costume.

E para além disto, é necessário relembrar o golo mal anulado ao Cardozo na jornada nº1 (o 3-2). Com esses 2 pontos até dávamos de borla este golo ultra-irregular do Estoril.

Pantomineiro Mor disse...

Acho que falta o Blog PANTOMINOCRACIA no teu blogroll,não?

PM

Pedro Leal disse...

Esta análise é pura máscara para uma realidade maior que se passa no nosso Benfica (presumo que o sejas dada a assertividade com que falas da arbitragem) .. Perdemos o campeonato por culpa própria e também beneficiamos de um roubo contra o sporting.. só por aí ficamos com 3 pontos a mais. Chega desse Benfiquistmo populista, vamos perceber que erros existem para os dois lados (Porto e Benfica), e apenas porque somos muitos mais parece que são eles os ladrões!
CHega.. Joguemos à bola e ganhemos em campo! Abraço e saudações BENFIQUISTAS!! SLB SEMPRE, mas com a raça que tem que nos pertencer!

Influência Arbitral disse...

Caro Pedro Leal,

Está analise não se trata de nenhuma máscara, é a pura realidade traduzida em números, podes ver os DADOS ACUMULDADOS ENTRE 2008-2013(150), mas aceito que no teu intimo acredites que este golo sofrido foi somente por "culpa própria" do Benfica, apesar destas imagens.

Tens razão os erros acontecem para os dois lados, obviamente todos os clubes já foram beneficiados e prejudicados por decisões arbitrais e para evitar estar a argumentar se as decisões foram boas ou más é que na analise só utilizo dados objetivos nos dados agrupados, mas responde-me só a seguinte questão.

Tens duas equipas com o mesmo potencial, se uma for mais penalizado que a outra em 22 decisões arbitrais desfavoráveis (penalti ou expulsões), qual das equipas acreditas que acumulará mais pontos nesses 150 jogos?

R:____________________________



PS: Na minha opinião a equipa mais penalizada somente conseguirá acumular mais pontos no caso de dos seus jogadores serem muito mais competentes que os da outra equipa.

Ter sofrido mais 6 penaltis contra que o rival, sendo que do total de 17 penaltis sofridos, 10 deles foram assinalados ainda com o resultado empatado e ter sofrido mais 16 expulsões que o rival, obrigatoriamente levará está equipa a diminuir o seu potencial para acumular pontos.

Acredita, não se trata de "populismo", estatisticamente a probabilidade de perder por "culpa própria" diminuiria exponencialmente se as decisões arbitrais fossem o inverso.

Pedro Leal disse...

meu deus.. não faças disso uma coisa que não é.. sã dados acumulados e por isso engrandeces os valores.. isola cada campeonato, analisa quais desses forma penaltis ou não e depois faz uma analise coerente.. o benfica tem mais ppenaltis do que o porto em situações de indefinição de resultado. Esta ultima época então nem se fala.. Já chega destas conversas absurdas. Se foi mais penalizada foi porque se sujeitou mais a isso, com agressividade e impetuosidade nesses jogos.. se não querem erros arbitrais ponham robos a abitrar jogos. Até lá aceitem e deixem de chamar ladroes a uns para tentar lavar a cara! Cada vez menos posso com o meu Benfica por causa disso! E a criação deste blogs só ajuda a que nos possamos sentir legitimos a atacar outros em questões de corrupção. Isto é alimentar rivalidades desnecessárias!
SLB SEMPRE, mas ganhem em campo, pois já vi o meu benvica ser beneficiado mais do que os andrades e a perder na mesma o campeonato!
Abraço

Influência Arbitral disse...

Caro Pedro Leal,

Dizes que és Benfiquista!!!
Partindo do principio que estás a ser sincero, consideras que a diferença de 22 decisões arbitrais entre as duas equipas em 150 jogos não é uma significativa diferença, ao ponto de influenciar pontualmente o desempenho de ambas.

Imagina que nos próximos 5 anos a diferença seria exatamente o inverso, ou seja o F.C. Porto, teriam mais 22 decisões arbitrais desfavoráveis que o Benfica, acreditas que mesmo assim manteria o mesmo desempenho pontual e conquistaria 4 dos 5 títulos?

Só para tua informação a percentagem média dos pontos dos 4 candidatos é seguinte:
% Pontos conquistados nos 600 jogos oficiais: 70%
% Pontos conquistados nos 332 jogos sem Penalti ou expulsões: 71%
% Pontos conquistados nos 176 jogos com arbitragens favoráveis: 80%
% Pontos conquistados nos 92 jogos com arbitragens desfavoráveis: 51%

Como vez, os jogos em que se beneficia de penaltis e expulsões são os de maior aproveitamento de pontos e aqueles em que se o clube é penalizado com penaltis ou expulsões são os de menor % de aproveitamento de pontos.